Durante 2008 falou-se por diversas vezes da possibilidade de se organizarem caminhadas pelos sítios cuja riqueza patrimonial e simbólica merece que se faça algo, nomeadamente de modo a retirá-los do esquecimento. Como sabem tenho tentado deixar aqui nota de alguns desses locais, recorrendo sobretudo a imagens, contudo isso não basta, até porque ainda não consegui identificar todo o património de forma sistemática. Ora, este esforço deve-nos incluir a todos, quer cidadãos, quer autarcas e até mesmo as escolas.

No sentido de se lançarem as bases para alguma iniciativa a concretizar logo que as condições atmosféricas o permitam apelo aos autarcas, leia-se à Câmara Municipal de Nelas e Junta de Freguesa de Nelas, para que sejam os primeiros colaborar procedendo à limpeza da encosta do Buraco da Moira e da Orca do Folhadal. Acredito que essa intervenção permita reavivar a lenda do Buraco da Moira e dar a conhecer a Orca do Folhadal, assim como outros elementos do património da nossa terra, nomeadamente, as sepulturas antropomórficas existentes, o pelourinho, a Igreja, o marco geodésico e a Rua do Curral do Concelho, nomeadamente a sua importância histórica.

Como referi as escolas podem e devem participar, pois seria extremamente importante que fossem os mais novos a proceder à recolha de testemunhos junto de quem ainda se lembra e sabe. Na fase seguinte seriam eles os guias, cabendo a cada grupo explicar um pouco de cada monumento. Creio que ser possível organizar actividades que envolvam todas as gerações, recorrendo a vários formatos. Pela parte que me toca gostaria de concretizar uma ideia simples que tenho em mente, mas obviamente que colaborarei de forma nas iniciativas a concretizar, contando desde já que os autarcas escutam as nossas preces.

publicado por José às 15:48