Pode ter os seus defeitos - apoquentar os vizinhos, deixar a rua suja-, todavia a fogueira de Natal é daqueles rituais que faz sentido manter vivo, pois o Natal não são apenas compras, nem apenas troca de presentes, contínua a ser uma vivência comunitária muito forte, que na noite da consoada parece rivalizar, de forma saudável, com a ideia que nos querem fazer crer de que o Natal é sobretudo um ritual em família.

DSC03242.JPG

Este ano mais uma vez se provou que o Natal tem essa outra dimensão de ritual pagão, mas de partilha e sobretudo de convivio entre as gentes da nossa terra (da nossa e de muitas outras). Embora o largo onde se realiza deva ser melhorado nos próximos anos o que se espera é que permita manter viva esta tradição.
publicado por José às 10:51